Artigos
Câmara de Bocaina do Sul
Câmara de Campo Belo do Sul
Câmara de Cerro Negro
Câmara de Otacílio Costa
Câmara de Rio Rufino
Câmara de São José do Cerrito
Câmara de Urubici
Câmara de Urupema
Câmara do Painel
Coluna DR.Manoel
Cultura
Editais
Editorial
Educação
Esportes
Estamos de Olho
Fique Sabendo
Geral
Meio Ambiente
Negócios
O Tema é...
Polícia
Política
Saúde
Tecnologia
Trânsito
 

O voto com forte comoção
Cadastrado em: 3/9/2014

Tamanho da letra

Vítima de acidente aéreo ocorrido em Santos-SP, morreu tragicamente na quarta-feira, 13/08, o candidato a presidente da República pelo PSB, Eduardo Henrique Accioly Campos, 49 anos de idade, considerado um jovem político, muito embora já tenha exercido importantes cargos. Foi secretário  da Fazenda e governador do Estado de Pernambuco. No governo Lula foi um dos seus ministros. Candidato a presidente da República para o próximo pleito eleitoral de 3 de outubro vindouro já divulgava em todo território nacional seu programa de governo caso fosse eleito. A fatalidade encerrou seus sonhos. Agora, o PSB  sigla pela qual concorreria ao cargo máxima da República, o substituiu pela vice de chapa, Marina Silva. A morte prematura de Campos comoveu a população brasileira. Até os mais ferrenhos adversários políticos sentiram-se fraquejados pela dor que enlutou o País.Como estamos em plena campanha eleitoral, devemos analisar friamente a reviravolta que deve acontecer daqui prá frente até às eleições finais, com a realização de um 2º Turno. A postulante Marina Silva, mesmo antes de ser escolhida a substituta de Campos para concorrer já despontava com a preferência de 20% do eleitorado, deixando, inclusive, o tucano Aécio Neves em terceiro lugar. Em pesquisa publicada em São Paulo no dia 20/08, se prevê uma disputa no segundo turno entre a agora candidata oficial do PSB, Marina Silva e a candidata à reeleição Dilma Rousseff, a qual amargará uma derrota, segundo dados estatísticos. Vale ressaltar que a postulante Marina  Silva já disputou um pleito eleitoral quando obteve 21 milhões votos, sendo derrotada justamente pela candidata do PT, a atual presidente da República. Segundo analistas políticos a possível vitória de Maria Silva frente a atual presidente da República, tem o acontecimento trágico que enlutou o país, com a morte de Campos, como fator principal para que o eleitorado, ainda comovido, tenha  como preferência na hora de votar, a candidata do PSB, Marina Silva. Como ainda falta mais de um mês para o pleito eleitoral, podem ocorrer mudanças nos resultados entre os candidatos.

Fonte: Jornal O Palanque

Compartilhe esta página: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no MySpace

 

Nome:
E-mail:
 
 
ANO 13 - Nº 164 - SETEMBRO / OUTUBRO 2014
nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas scarpe Tacchi Scarpe da donna Scarpe Scarpe Adidas adidas Scarpe Scarpe Scarpe hogan oakley nike air presto new balance nike air max adidas Scarpe nike free
Todos os direitos reservados à Jornal O Palanque - Produzido por WLSistemas
nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas