Artigos
Câmara de Bocaina do Sul
Câmara de Campo Belo do Sul
Câmara de Cerro Negro
Câmara de Otacílio Costa
Câmara de Rio Rufino
Câmara de São José do Cerrito
Câmara de Urubici
Câmara de Urupema
Câmara do Painel
Coluna DR.Manoel
Cultura
Editais
Editorial
Educação
Esportes
Estamos de Olho
Fique Sabendo
Geral
Meio Ambiente
Negócios
O Tema é...
Polícia
Política
Saúde
Tecnologia
Trânsito
 

Vereador Luiz Amorim preocupado com a segurança
Cadastrado em: 4/12/2009

Tamanho da letra

Lages

Nos dias atuais, há uma grande facilidade no comércio de fardas e qualquer tipo de vestuário, bem como distintivos e acessórios dos órgãos encarregados pela segurança pública em nosso estado, muitas lojas vendem de maneira indiscriminada esses produtos que funcionam como armas nas mãos de criminosos.
Diante disso o Vereador Luiz Amorim na sessão do último dia 23, enviou uma Moção à Assembleia Legislativa com Anteprojeto anexado sugerindo que se instale uma lei estadual tendo por finalidade estabelecer normas para o comércio de uniformes ou qualquer tipo de farda, colete, distintivos e acessórios de uso exclusivo e restrito das Polícias Federal, Civil, Militar, Guardas Municipais, Forças Armadas Brasileiras bem como dos agentes penitenciários, no âmbito do Estado de Santa Catarina.
O seu principal objetivo é impedir que os uniformes e acessórios de uso restrito e exclusivo dos servidores públicos integrantes das referidas corporações sejam adquiridos por indivíduos alheios a estas para fins criminosos, trazendo risco à população e aos próprios policiais e instituições responsáveis pela segurança pública. Durante a apresentação da matéria o Vereador expôs uma reportagem exibida no Fantástico, onde o jornalista falsamente fardado entra livremente em presídios, delegacias, escolas e transportes públicos o que mostra a fragilidade no controle de venda destas fardas.
“Atualmente a criminalidade está superando barreiras em nosso país, deixando-nos a deriva dos bandidos que cada vez mais ousados, encontram poucas dificuldades para cometer seus delitos fazendo com que o cidadão de bem fique amedrontado e se torne refém da marginalidade. A elaboração de uma lei que possa restringir a venda de fardas proporcionará um controle mais eficiente no ato da compra, pois atualmente em Santa Catarina o sistema é falho por não permitir que se chegue ao comprador depois que o mesmo sai da loja.” Ressalta Luiz Amorim.

Fonte: Norgana Búrigo - Assessora Parlamentar

Compartilhe esta página: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no MySpace

 

Nome:
E-mail:
 
 
ANO 13 - Nº 164 - SETEMBRO / OUTUBRO 2014
nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas scarpe Tacchi Scarpe da donna Scarpe Scarpe Adidas adidas Scarpe Scarpe Scarpe hogan oakley nike air presto new balance nike air max adidas Scarpe nike free
Todos os direitos reservados à Jornal O Palanque - Produzido por WLSistemas
nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas