Artigos
Câmara de Bocaina do Sul
Câmara de Campo Belo do Sul
Câmara de Cerro Negro
Câmara de Otacílio Costa
Câmara de Rio Rufino
Câmara de São José do Cerrito
Câmara de Urubici
Câmara de Urupema
Câmara do Painel
Coluna DR.Manoel
Cultura
Editais
Editorial
Educação
Esportes
Estamos de Olho
Fique Sabendo
Geral
Meio Ambiente
Negócios
O Tema é...
Polícia
Política
Saúde
Tecnologia
Trânsito
 

Maxii Atacado desrespeita o consumidor
Cadastrado em: 28/1/2011

Tamanho da letra

Escolher um produto pelo preço e pagar um valor maior por ele no caixa. Foi isso que aconteceu com o consumidor Adão Rosa, que por sinal é diretor deste jornal,  no Maxii Atacado. O estabelecimento fica na Avenida Dom Pedro II, em Lages.
Na loja, o consumidor efetuou a compra de 5 KG de arroz. Na prateleira, o valor do produto estava R$ 8,90. Mas quando passou pelo caixa teve que pagar R$ 9,95. Ao reclamar para a atendente do caixa, o jornalista foi informado que foi o computador  do caixa “errou”, e que ele teria que fazer uma reclamação por escrita, uma espécie de cadastro,  para ter a diferença de volta. Indignado, Adão procurou fez a denúncia no Procon.
O fato é que o Supermercado tem desrespeitado de forma recorrente o consumidor. O diretor de O Palanque disse que o Procou lhe informou que são várias as reclamações contra este estabelecimento. Assim, é preciso que as autoridades de defesa do consumidor fiquem atentas e tomem medidas para evitar que isso continue acontecendo.
Em tese, o consumidor  não pode continuar sendo vítimas de erros, se é isso mesmo que ocorre.  Entende-se que, mesmo que a operadora do caixa apresente ao consumidor a opção para ele ter seu dinheiro de volta, qualquer alternativa a não ser a pessoa receber o valor a mais que pagou na hora, é esfarrapada e desrespeitosa. 
Por fim, o consumidor não pode pagar por erros. Se os preços estão diferentes ou se o computador “errou”, alguém do supermercado deve ver isso e corrigir as distorções, senão daqui a pouco todo mundo vai começar a desconfiar que o Maxi Atacado, achando que o estabelecimento usa mesmo deste artifício para enganar a passar para trás o consumidor.

Fonte: Jornal O Palanque

Compartilhe esta página: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no MySpace

 

Nome:
E-mail:
 
 
ANO 13 - Nº 164 - SETEMBRO / OUTUBRO 2014
nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas scarpe Tacchi Scarpe da donna Scarpe Scarpe Adidas adidas Scarpe Scarpe Scarpe hogan oakley nike air presto new balance nike air max adidas Scarpe nike free
Todos os direitos reservados à Jornal O Palanque - Produzido por WLSistemas
nike shox hogan scarpe calcio Tiffany christian louboutin Scarpe Adidas superstar Scarpe Reebok Adidas Scarpe nike sb Scarpe nike air force air jordan adidas